O assassinato de Samuel Muñiz, um jovem gay de origem brasileira que morreu após ser espancado na rua, gerou uma forte onda de protestos contra a homofobia na Espanha. Na segunda (5), houve grandes manifestações em cidades como Madri, Barcelona e Corunha, onde o crime ocorreu. Samuel, 24, estava perto de uma balada na orla de Corunha, cidade de cerca de 250 mil ha...