Bernardo Caram

Estadão Conteúdo

A presidente Dilma Rousseff anunciou na noite desta quarta-feira que a tabela do Imposto de Renda será corrigida. A afirmação foi feita em pronunciamento em cadeia nacional de rádio e televisão em homenagem ao Dia do Trabalho.

A presidente disse que assinou uma medida provisória para que a mudança seja efetivada, mas não especificou os valores da correção. "Isso vai significar um importante ganho salarial indireto e mais dinheiro no bolso do trabalhador", disse.

Dilma anunciou também um reajuste de 10% no benefício do Bolsa Família. O objetivo, segundo ela, é fazer com que os 36 milhões de brasileiros beneficiários do programa Brasil sem Miséria permaneçam acima da linha da extrema pobreza definida pela Organização das Nações Unidas.

No pronunciamento, a presidente assumiu ainda o compromisso de continuar a política de valorização do salário mínimo, que, segundo ela "tem sido um instrumento efetivo para a diminuição da desigualdade e para o resgate da grande dívida social que ainda temos com os trabalhadores mais pobres".

Escolha seu assunto favorito.
E-mail registrado com sucesso!
A partir de agora você receberá seus assuntos preferidos por e-mail.
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários