Destituídos de seus cargos na comissão de orçamento e contas da Ordem dos Advogados do Brasil, seção Goiás (OAB-GO) na última sexta-feira, advogados afirmam que decisão do presidente da entidade, Lúcio Flávio Siqueira de Paiva, é retaliação devido à atuação do grupo. Os ex-integrantes da comissão apontam como motivos da dispensa dos advogados o posicionamento do grupo em rel...

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários